FETAPE - FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias


Caravana Semiárido Contra a Fome cruza o País na denúncia de retrocessos

07/08/2018



A Caravana Semiárido Contra a Fome completou, ontem (06), seu décimo dia de estrada, cruzando o País na denúncia do aumento da fome. A caravana saiu de Caetés, no Agreste de Pernambuco, cidade natal do ex-presidente Lula, até chegar em Brasília (DF), onde fica até esta terça (07). Em todas as paradas, a caravana realizou atividades de interação com a sociedade e atos políticos na denúncia da situação que pode levar o país de volta ao Mapa da Fome, da ONU. Foi assim em Feira de Santana (BA), em Belo Horizonte (MG), em Guararema (SP), na Escola Nacional Florestan Fernandes, e em Curitiba (PR), até chegar à capital federal.

A FETAPE é uma das organizações que participa da caravana desde seu processo de articulação e mobilização, e tem seguido todo o trajeto com as outras 101 pessoas. A caravana é puxada pela Articulação Semiárido Brasileiro (ASA) e outros diversos movimentos e organizações sociais, que também pedem a liberdade de Lula, reforçando as políticas sociais criadas em seu governo, que contribuíram para a melhoria de vida de toda a população.

Em Curitiba, a caravana esteve no acampamento Lula Livre, em frente a Superintendência da Polícia Federal, onde Lula se encontra preso. Em um dia cheio de atividades, a caravana saudou o ex-presidente com um “bom dia” e um “boa tarde”, mas também realizou uma roda de conversa sobre a problemática da fome e enviou a Lula uma carta em que descrevia os objetivos dessa mobilização.

“Estamos cumprindo nosso objetivo, foi assim em todo o trajeto e em Brasília, onde também estivemos em um ato de apoio aos companheiros e companheiras que estão em um momento em greve de fome, denunciando a prisão política do presidente Lula e a situação de fome que passa o país. Nos reforçamos, em Brasília, com a CONTAG e outros movimentos para que essa ação tenha visibilidade e que seja de conhecimento da sociedade e do poder judiciário esse momento tão delicado que estamos vivenciando”, afirma Paulo Roberto Santos, presidente em exercício da FETAPE.

A greve de fome tem sido realizada por militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e pela Central de Movimentos Populares (CMP) como denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) do aumento da fome no país, e pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Nesta segunda (06), também tivemos com grupo da caravana em audiência com o secretário geral da CNBB, Dom Leonardo, onde apresentamos e discutimos os dados que mostram a ameaça do aumento da fome, em especial no Semiárido. Ao mesmo tempo que os demais integrantes da fizeram, no centro de Brasília, atividades de interação com a sociedade, como panfletagens”, explicou Reginaldo Alves, assessor da diretoria de Meio Ambiente da FETAPE e que segue com a caravana desde o primeiro dia.

Durante a noite de ontem, o grupo da caravana também participou de um momento no auditório da CONTAG. A exibição do filme "Outro Sertão", seguido de debate.

Nesta terça-feira, a caravana segue ao STF para protocolar documento com denúncia dos retrocessos vivenciados no país e participa de audiência no Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, no Plenário II da Câmara dos Deputados. Os caravaneiros têm previsão de chegada em Pernambuco, na próxima quinta-feira (09).




FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

ENDEREÇO CORRESPONDÊNCIA
Rua Gervásio Pires, 252 Soledade, Recife - PE | CEP 50.060-970 Caixa Postal 2516
fetape@fetape.org.br

ENDEREÇO SEDE PROVISÓRIA (ATENDIMENTO AO PÚBLICO)
Av. José Otávio, 940, Caja, Carpina - PE | CEP 55.813-710
Telefones: (81) 3771-0317