FETAPE - FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias


As margaridas de Pernambuco concluem etapa final rumo a capital federal em defesa da democracia, justiça, igualdade e livre de violência

23/07/2019



A pouco mais de 20 dias para a 6º Marcha das Margaridas, 80 trabalhadoras e lideranças sindicais que estão coordenando a marcha em Pernambuco, concluíram o 1º Curso Estadual da Enfoc de Formação Política de Mulheres LUTE como MARGARIDA Turma Cícera Nunes da Cruz. Com a conclusão desse processo, que durou seis meses, elas se tornaram educadoras populares e passam a integrar a Rede de Educadores e Educadoras Populares da Enfoc.

Ao longo dos três módulos do curso, as trabalhadoras mergulharam num processo intenso e, muitas vezes, até doloroso de autoconhecimento e construção coletiva visando prepará-las para coordenar, animar e organizar a Marcha, como também ajudá-las a compreender e superar os problemas enfrentados dentro do próprio Movimento Sindical dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (MSTTR).

“O que mais foi mais significativo pra mim como mulher foi me descobrir feminista e o mais importante saber que nunca estarei sozinha”, conta Andréa Cabral Rodrigues Alves, 33 anos, que vai pela primeira vez para a Marcha das Margaridas. Ela é diretora de mulheres do Sindicato dos Trabaçhadores Rurais Agricultores e Agricultoras de Bom Conselho, no Agreste do Estado, e diz que, depois do curso, se sente mais segura para falar em reuniões, nos programas de rádio e outros espaços públicos.

Neste último módulo, que foi realizado de 15 a 19 de julho, em Carpina-PE, as mulheres debateram os últimos detalhes da organização da viagem bem como dialogaram sobre as próximas tarefas após a marcha. Também foram socializadas as orientações para a ida e vinda das 2 mil mulheres da delegação pernambucana, desde a logística, organização da mala, dicas de segurança até a estadia na capital federal nos dias 13 e 14 de agosto.

“Vamos marchar representando outras milhares de mulheres que não poderão estar lá, seremos nós as suas vozes. Essa é mais uma etapa do caminho que viemos percorrendo e vamos, com certeza, nos fortalecer com as mais de 100 mil mulheres que estarão reunidas em protesto a este “desgoverno”, que só tem causado retrocessos”, ressalta a diretora de Mulheres da Fetape, Adriana do Nascimento.

No âmbito nacional, a secretária de Mulheres da Contag, Mazé Morais, falou sobre os preparativos finais da marcha e da acolhida das mulheres em Brasília. Ela afirmou que esta será a maior marcha, independentemente do número de pessoas, pelo esforço que o movimento sindical e as entidades parceiras estão fazendo para que ela aconteça, e falou da semelhança com a primeira marcha, realizada em 2000.
"A primeira marcha o nosso lema era 2000 razões para marchar, contra fome, contra violência sexista. E aí parece que a gente tá em 2019 num momento também bem desafiador que a gente precisa marchar contra tudo isso também. A violência que tá cada vez maior no nosso país, nos nossos estados. Cada lugar que você vai, você vê como está exagerado o índice de feminicídio no nosso país”, relata.

 TRANSFORMATURA – Para celebrar a conclusão do curso, as mulheres participaram na noite da quinta-feira (18) da Transformatura. Foi um momento marcado por muita emoção, alegria e homenagens. As mulheres receberam o certificado de educadoras populares e reafirmaram o compromisso com a luta feminista e com a Marcha das Margaridas.

"Gostaria de agradecer as mulheres Margaridas que assumiram o desafio de vivenciar esse processo e também aos companheiros e as companheiras da direção da Fetape que, em tempos tão difíceis, priorizam a formação como princípio de organização da luta. Tenho certeza que este curso vai fortalecer a luta feminista por mundo realmente justo, com igualdade entre homens e mulheres”, destaca Jenusi Marques, diretora de Organização e Formação Sindical da Fetape.

As cinco diretoras da Fetape: Cícera Nunes (Presidenta), Adriana do Nascimento (Mulheres), Jenusi Marques (Organização e Formação), Rosenice Nalva (Meio Ambiente), Maria Givaneide (Agrária) e as educadoras populares Socorro Silva e Silvia Camurça receberam a homenagem da turma pela história de luta que inspira e é referência para outras mulheres.

Estiveram presentes na cerimônia familiares, assessores e assessoras da Fetape, parceiros e autoridades. Entre elas: a secretária de mulheres da Contag, Mazé Morais, a coordenadora Pedagógica da Enfoc, Raimunda de Oliveira Silva, a presidenta do sindicato dos bancários, Suzineide Rodrigues, o secretário de comunicação da CUT-PE, Fabiano Moura, o dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos, Enoque Amâncio, a representante do Gabinete do deputado estadual Doriel Barros, Ana Célia Floriano, e a representante do Gabinete do deputado federal Carlos Veras, Cláudia Rejane.




FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

ENDEREÇO
Rua Gervásio Pires, 876 - Boa Vista - Recife/PE - CEP: 50050-070
Telefone: (81) 3771-0317 | E-mail: fetape@fetape.org.br