FETAPE - FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias


Centrais Sindicais de Pernambuco protestam contra nova regras trabalhistas

02/03/2015

Um novo ato público está marcada para o dia 13 de março. A concentração será, às 07h, em frente ao Parque 13 de Maio, em Santo Amaro
Escrito por: Chico Carlos - CUT/PE
Foto: Sofia Melo


Mobilização, luta e compromisso foram a tônica da caminhada de protesto que as centrais sindicais de Pernambuco (CUT, CTB, UGT, CSB, Força Sindical, Nova Central) realizaram na manhã desta segunda-feira (2), no Recife, contra as novas regras das Medidas Provisórias 664 e 665. O Movimento Sem-Terra (MST) e a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetape) também marcaram presenças na mobilização que reuniu mais 500 trabalhadores de diversos sindicatos ligados às centrais pernambucanas. Eles se concentraram na Praça do Derby por volta das 7h. Quando o relógio marcou 9h20, os manifestantes saíram pela Agamenon Magalhães em passeata com carro de som e distribuindo panfletos e ocupando duas das quatro faixas da avenida.
 
Sob gritos de ordem " trabalhador unido, jamais será vencido" ou "trabalhador na rua, a luta continua", os sindicalistas reclamaram sobre as mudanças estabelecidas no acesso a benefícios como o seguro-desemprego e o abono salarial, que começaram a vigorar em todo o país nesta segunda-feira. "Não podíamos deixar esse dia passar em branco e queremos a revogação dessas medidas descabidas e inaceitáveis do Governo Federal ", assinalou o presidente da Central Única de Trabalhadores em Pernambuco (CUT-PE), Carlos Veras.
Segundo Veras, os sindicatos exigem a revogação das MPs, e destacou que a manifestação foi pacífica e bastante expressiva "Não há o que negociar, pois o pacote anunciado pelo Governo Federal não traz nenhum benefício para o trabalhador. Direitos devem ser ampliados, nunca diminuídos”, enfatizou.

Os trabalhadores chegaram ao edifício do Ministério do Trabalho e Emprego em Pernambuco por volta das 10h20. Uma comissão composta por doze pessoas, duas de cada central sindical participante, foi recebida pelo Superintendente-Adjunto, Jefferson Lins. Foram mais de uma hora de discussões e posicionamentos. "A luta é contra medidas que retiram e dificultam o acesso da classe trabalhadora a direitos econômicos e sociais. É também uma luta contra as demissões imotivadas e contra a elevada rotatividade do trabalho em diversos setores, destacaram as lideranças do movimento sindical.

Os sindicalistas têm um encontro marcado para a próxima segunda-feira (9), às 10h, na sede da Força Sindical no Recife, bairro de São José, quando vão elaborar um documento solicitando à bancada pernambucana na Câmara dos Deputados posicionamento contra as medidas apresentadas pelo governo federal.

Um novo ato público está marcada para o dia 13 de março. A concentração será às 07h, em frente ao Parque 13 de Maio, em Santo Amaro. Em seguida, haverá caminhada pelas ruas do Recife, com encerramento na Avenida Guararapes.

FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

ENDEREÇO
Rua Gervásio Pires, 876 - Boa Vista - Recife/PE - CEP: 50050-070
Telefone: (81) 3771-0317 | E-mail: fetape@fetape.org.br